d=test">

Começando a usar o seu dispositivo de medição de cores

Se você investiu recentemente em um espectrofotômetro, sabe que há muito mais a aprender sobre medição de cores do que apenas como usar seu novo dispositivo. Para ajudá-lo a começar a explorar o emocionante mundo das cores, compilamos alguns tópicos que explicam como configurar seu dispositivo de medição de cores, cuidar dele e usá-lo em seu potencial máximo.


exact

Configurando o seu espectrofotômetro

• Iluminante e ângulo 

Usar um espectrofotômetro para medir a cor não significa necessariamente que você irá capturar dados precisos. O motivo mais comum para medições incorretas e leituras inconsistentes entre os instrumentos é o uso de configurações incorretas do dispositivo.

Primeiro, você deve considerar o iluminante e o ângulo do observador; o iluminante descreve a cor da luz sob a qual você está julgando as cores, e para determinar com precisão como a cor ficará em seu destino, você precisa escolher um iluminante apropriado. A iluminação padrão para gráficos impressos é conhecida como D50, que é aproximadamente o mesmo ambiente de iluminação da luz do dia do meio-dia. Diversas indústrias têm diferentes padrões de iluminação, que podem ser suportados por seu instrumento e software.

Na indústria, por exemplo, seguimos a recomendação da Norma ISO12647, que recomenda iluminante D50 e observador de 2 graus. Saiba mais sobre iluminantes e cor aqui.



• Escolha a geometria correta do instrumento

Um dos fatores mais importantes a considerar ao escolher um espectro é o tipo de superfície que você irá medir. Existem três tipos principais de espectrofotômetros: 0/45 °, esférico e multiangular - o nome descreve a maneira como cada dispositivo mede a cor.

Embora os de 0/45° sejam comumente usados em impressão e embalagem, eles não funcionam para materiais altamente reflexivos, como materiais metalizados de poliéster, porque a luz do espectro vai refletir nos flocos em várias direções. Para essas aplicações, você precisa de um espectrofotômetro esférico, como por exemplo, o Ci64. Saiba tudo sobre estes espectrofotômetros aqui.


como funciona o espectrofotômetro

• Cor de fundo

Uma vez que o plano de fundo pode afetar os resultados do seu trabalho, as superfícies onde serão realizadas as medições, chamadas apoiadores, estão incluídos no padrão ISO (Organização Internacional de Normalização). Algumas especificações, como leituras de densidade e impressão em frente e verso, requerem um fundo preto, enquanto outros requerem branco. 

A ISO fornece valores L * a * b * para fundos branco e preto, e outras organizações e indústrias fornecem valores com base em fundos brancos. Confirme qual é o melhor para a sua aplicação e certifique-se de que está usando o conjunto certo de valores! 

Depois de escolher as configurações corretas, certifique-se de que todos os seus instrumentos e software estejam configurados da mesma forma, ou você terá resultados conflitantes. 


A importância da calibração

• Por que calibrar o meu aparelho?
Em geral, os instrumentos de medição de cores atualmente são 100% digitais, e embora sejam mais estáveis, suas tolerâncias são muito mais estreitas e precisam de calibração regular para permanecer dentro de certas especificações rígidas. 

• Estabilidade da lâmpada
Conforme você usa seu instrumento e a lâmpada acende e apaga, ela começa a mudar. A calibração compensa essas mudanças na capacidade da lâmpada de criar luz, pois manterá o instrumento estável por muitos meses, talvez anos, até que a lâmpada chegue ao fim de sua vida útil. 

• Limpeza de padrões e lentes
Dentro do instrumento estão as configurações de dois pontos conhecidos no espaço de cores - um branco definido e um preto definido. Esses locais exatos para branco e preto são programados diretamente no dispositivo, e podem ser chamados de padrões. 

Se estes locais sujarem, ou acumularem poeira, todos os pontos no espaço de cores se tornam degradados. Isso irá fazer com que você envie aos seus clientes projetos que não serão aprovados por diversos erros na cor, causando retrabalho que não era necessário. Por isso, você precisa manter estes locais cuidadosamente limpos; trate o padrão como se fosse um precioso dispositivo ótico; geralmente, os fabricantes sugerem limpá-lo com álcool isopropílico e uma toalha limpa, mas o melhor a se fazer é seguir as instruções do manual do usuário do seu dispositivo específico. 

• Com que frequência calibrar
Alguns instrumentos dos instrumentos possui um cronômetro embutido que pode ser configurado para monitorar o intervalo entre as calibrações, mas você pode calibrar manualmente quando achar necessário. Existe também a certificação do aparelho, que é como se a assistência especializada garantisse que o equipamento está em condições perfeitas de funcionamento; esta deve ser realizada no intervalo de 12 meses. 


Escolhendo a abertura de medição certa para o trabalho

Ao avaliar a cor, o fundo pode ser uma grande distração para o olho humano. Na verdade, as cores e padrões circundantes podem realmente mudar a percepção da cor que você está tentando focar. 

Uma das coisas maravilhosas sobre os instrumentos de medição de cores, como colorímetros e espectrofotômetros, é que eles não podem ser distraídos. Eles não são suscetíveis a variáveis como fadiga, idade ou deficiência na visão de cores; eles nem mesmo estão cientes da existência de um ambiente. Eles medem apenas a luz refletida da área de amostra alvo por meio de um sistema de lentes chamado de abertura de medição. 

Se o seu trabalho envolve especificação, comunicação, avaliação ou aprovação de cores, você precisa considerar o tamanho da abertura no processo de medição de cores.


como funciona o espectrofotômetro

Os dispositivos podem vir com diferentes tamanhos de abertura. O diagrama ao lado mostra a diferença na área de medição entre as aberturas: o círculo preto representa a abertura completa do aparelho, o círculo branco representa a área de medição real (o tamanho da abertura) e o quadrado azul representa o tamanho da amostra ou impresso.

Aberturas de tamanhos diferentes medem uma área diferente da amostra, portanto, sempre use a abertura de tamanho igual ou mais próxima ao comparar as medições. Para o mais alto nível de precisão, recomendamos usar a maior abertura possível para o trabalho, pois estas aberturas maiores capturam mais da amostra. No entanto, as aberturas menores são mais versáteis e fáceis de posicionar ao redor de pequenos defeitos. 

Ao comunicar dados, sempre inclua o tamanho da abertura e os critérios de posicionamento de medição. Os dados de medição serão diferentes entre aberturas pequenas e grandes, o que geralmente é um problema quando designers, especificadores e fornecedores estão comunicando cores usando medições de instrumentos diferentes. Se usar o mesmo instrumento não for possível, usar o mesmo tamanho de abertura pode pelo menos minimizar as discrepâncias. 


Para aplicações de impressão e embalagem... 

As áreas com valor de tom não devem ser medidas com uma abertura muito pequena para avaliar com eficácia a amostra. Nosso dispositivo mais popular para aplicações de impressão e embalagem é o X-Rite eXact, que pode ter aberturas de 1,5 mm, 2,0 mm, 4,0 mm ou 6,0 mm. 

Para aplicações industriais... 

Dependendo do modelo do seu instrumento de medição de cores, uma variedade de tamanhos de abertura podem estar disponíveis. Por exemplo, nosso espectrofotômetro de bancada esférica Ci7800 vem com quatro aberturas padrão, mais 1 abertura opcional para medições de refletância, tornando-o a solução perfeita para muitas aplicações diferentes. 

Escolher a abertura certa para o trabalho vai economizar muito tempo e trabalho no futuro. 


Cuidando do seu espectrofotômetro

Os dispositivos de medição de cores da X-Rite são feitos para durar, contanto que você cuide deles; então, separamos algumas dicas para manter o seu em ótima forma. 

1. Mantenha seu dispositivo limpo
Medir com um dispositivo sujo é como dirigir com o para-brisa embaçado: não é recomendado se você deseja obter leituras precisas e consistentes. O manual do usuário do seu espectrofotômetro inclui as melhores práticas para limpeza, mas siga-as com cuidado, pois limpar o dispositivo da maneira errada pode anular a garantia. Uma boa regra é nunca usar nada áspero ou abrasivo no processo de limpeza. 

A frequência com que você limpa seu dispositivo depende do ambiente; se você o usa em uma fábrica com muitos agentes contaminantes, provavelmente deve limpá-lo diariamente. Se for usado em um escritório com, por exemplo, ar-condicionado, você pode passar por limpezas semanais ou até mensais. 

2. Mantenha suas amostras limpas
Se você medir amostras sujas, seus dados de cor não serão precisos. Além disso, você vai contaminar seu dispositivo de medição e transferir essa contaminação para todas as outras amostras que você medir. O manuseio e o armazenamento adequados de amostras ajudarão a preservá-las e a manter seu dispositivo em boas condições de funcionamento. 

3. Certifique o seu dispositivo regularmente
Como explicamos anteriormente neste post, é sempre importante manter o seu dispositivo certificado e calibrado para que possa funcionar perfeitamente. Quanto mais tempo você ficar sem certificá-lo, mais difícil será para o seu dispositivo medir amostras sem erros. 


Gostou do nosso conteúdo?

E, por fim, se deseja aprender mais sobre o seu dispositivo, nossa equipe pode lhe auxiliar com treinamentos especializados. Para entrar em contato, você pode clicar no botão flutuante ao lado e será redirecionado ao nosso canal aberto, onde responderemos o mais rápido possível. 

Para informações de orçamento ou para adquirir o seu dispositivo, clique no botão abaixo para preencher nosso formulário e aguarde nosso contato para auxiliá-lo! 

Conteúdo originalmente publicado em maio de 2021 e atualizado em junho de 2021.

Título da página
Ficou em dúvida ou deseja ter mais informações?
Entre em contato pelos nossos canais de atendimento logo abaixo: telefone, WhatsApp, e-mail ou clique no ícone flutuante da página e fale agora com um consultor.
Nós usamos cookies
Preferências de cookies
Abaixo, você pode encontrar informações sobre os propósitos pelos quais nós e nossos parceiros usamos cookies e processamos dados. Você pode exercitar suas preferências de processamento e/ou ver detalhes nos sites dos nossos parceiros.
Cookies analíticos Desativar tudo
Cookies funcionais
Other cookies
Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Saiba mais sobre nossa política de cookies.
Alterar preferências Aceitar tudo
Cookies